Nem todos tem uma segunda chance!

Nunca foi ditoPara muitos, o pai é um super-herói, para outros nem o conheceram e para alguns, o relacionamento de pai e filho é péssimo. O que você faria se pudesse voltar ao tempo e retomar este relacionamento? Ou quem sabe compreender o que aconteceu para ele ter acabado? O que mais tem, são pessoas querendo dizer algo que nunca foi dito a alguém que elas amavam e que perderam esta oportunidade. O livro “Tudo aquilo que nunca foi dito”, de Marc Levy, dá esta oportunidade a protagonista, o de resolver os seus problemas com o pai.

justlikeheaven_02Julia, dias antes de seu casamento, recebe uma ligação do secretário de seu pai, dizendo que não poderia comparecer, isto não era nenhuma novidade para a protagonista. O pai nunca ia a seus eventos, não se falavam há 20 anos, porém desta vez ele realmente tinha uma boa desculpa, tinha morrido. Sim, o livro começa de uma maneira triste e impactante, mas a partir deste momento e com a decisão de adiar seu casamento, para enterrá-lo, ela fará uma viagem ao seu passado de forma inesquecível.

Com mais de 23 milhões de livros vendidos pelo mundo, traduzidos em 42 idiomas, no oitavo livro, o autor francês conquista a cada dia mais leitores. O primeiro livro escrito por ele “E se fosse verdade” se transformou em um filme conhecido, interpretado por Reese Witherspoon e Mark Ruffalo, nos papéis principais. A história base é a vida de Elizabeth, uma mulher workholic, que em um acidente de carro e fica em estado de coma. Ruffalo interpreta David, que se muda para o apartamento de Elizabeth e acaba sendo assombrado pela própria. Uma história divertida e tranquila, um romance diferente com um toque de comédia. O filme lançado em 2005, teve seu orçamento aproximado a U$ 58 milhões e a arrecadação ficou em torno de U$ 48 milhões.

Outro livro que virou filme, porém desta vez pelas mãos francesas, foi a obra “Meus amigos, meus amores”, título original “Mes amis, Mes amours”. Os protagonistas da história são dois pais divorciados que decidem mudar-se para Londres e viverem juntos. Mas tudo muda quando na vida de cada um aparece uma paixão, pondo em risco a amizade entre os dois.

Marc LevyLevy é um autor que conquista o leitor. Neste livro em especial, trata de uma maneira diferente a relação de pai e filha, ele mistura o presente com o passado, mostrando o que aconteceu para a relação estar tão desgastada. Quantas vezes não vemos pessoas que queríamos ter dito algo e nunca o conseguimos fazer? O livro dá uma lição de vida necessária. Não é um livro de autoajuda, mas nos fazer perceber que nunca sabemos o que acontecerá no dia seguinte e que não devemos esquecer-nos de falar e demonstrar o que sentimos para as outras pessoas. Um romance, com uma pitada de drama e um pouco de ficção.

Esta é a minha recomendação de um livro emocionante que nos deixa uma mensagem muito importante para as nossas vidas.  O destino às vezes nos prega uma peça que nos faz arrepender-se do que não o fizemos. Neste caso do livro, o que não dissemos.

Anaisa Lejambre

Jornalista – Reg. Profissional: 8112/PR

Uma resposta

  1. […] Tudo aquilo que nunca foi dito – uma história emocionante que colocará em xeque uma relação de pai e filha. O momento da verdade chegou, mas um pouco tarde. No dia de seu casamento, uma péssima notícia: o falecimento do seu pai. O problema é que eles nunca foram próximos e depois disso, terão a chance de compreender o que os afastou. Quantos têm a oportunidade de dizer tudo aquilo que nunca foi dito? Para saber informações acesse o texto de Página, Câmera e AÇÃO. […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: