Um pesadelo que vira filme

1-Mama-PosterGosta de assistir filme de terror? Ir ao cinema passar medo? Levar alguns sustos? Neste fim de semana estreará “Mama”, um filme coproduzido entre Espanha e Canadá. Já teve sua estreia em diversos países, arrecadando $ 123 milhões até agora. A estreia no Brasil está próxima e a expectativa é grande.
A ideia para o filme surgiu quando o diretor argentino Andres Muschietti acordou em uma bela manhã depois de um pesadelo em que duas meninas fugiam do fantasma de sua mãe e achou interessante a história. Anos mais tarde, este enredo virou um curta-metragem e agora o transformou em um longa com o produtor executivo Guilherme Del Toro e com a atriz Jessica Chastain.

Muschietti  confessa ser apaixonado pelo tema de fantasmas e espíritos, ele que trabalhava em produção de anúncios televisivos, agora teve a responsabilidade de dirigir e fazer o roteiro de um longa-metragem.  E de acordo com o trailer é muito possível que o público leve alguns sustos nas salas de cinema. Imagine se fosse em 3D? Mas este não terá em 3 dimensões, para a alegria ou infelicidade de alguns.

Cena de MamaA história começa quando o pai de Victoria e Lilly mata a mãe das garotas, assustadas fogem para uma floresta, onde são encontradas 5 anos depois. Neste período ninguém sabia o que tinha acontecido com elas, até o dia em que reaparecem, sem explicarem como sobreviveram sozinhas. Os tios das duas, Lucas (Nikolaj Coster-Waldau) e Annabel (Jessica Chastain) preocupados adotam as crianças para que elas tenham uma vida tranquila, mas logo percebem que existe algo errado. As duas conversam frequentemente com uma entidade invisível, que chamam de “Mama”. Lucas e Annabel não sabem se acreditam nas meninas, ou se devem culpá-las pelos estranhos acontecimentos na casa.

Com um gasto aproximado de $ 15 milhões, as notas que os internautas deram no site www.imdb.com foi de 6.5. E o que será que os brasileiros vão achar? Faz tempo que não estreia um filme bom do gênero de terror, será que este será o filme que esperávamos? Não sei, mas a expectativa é grande. Para quem gosta do gênero, dê uma conferida no trailer e tire sua própria conclusão. Será que você vai querer ou não assisti-lo?

Anaisa Lejambre

Jornalista – Reg. Profissional: 8112/PR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: