Uma parceria nas telonas

EdwardKim sai de sua casa, quando nota a neve cair. Pouco a pouco caminha em direção a uma escultura de gelo. Edward é quem faz esta escultura, com suas mãos em forma de tesoura transforma este enorme cubo de gelo em uma obra de arte.  Kim sente a magia e começa a dançar enquanto a neve cai. Com um sorriso no rosto, fica encantada pela obra de um anjo que Edward termina.

Quem não se lembra desta cena? Uma das mais conhecidas do filme “Edward mãos de tesoura”. Um filme espetacular, o quarto dirigido por Tim Burton e a primeira parceria dele com Johnny Depp. Esta cena é indescritível, só quem assistiu pode sentir esta sensação e ficar maravilhado com o roteiro do filme. De forma criativa, com uma boa direção artística, este filme marcou o início dos anos 90.

Johnny Depp, Tim BurtonTim Burton e Johnny Depp completaram o ano passado a sua oitava parceira feita no cinema com “Sombras da Noite”. Uma parceria que parece dar certo na maior parte dos filmes. É como se Johnny Depp fosse a caracterização de personagens estranhos, obscuros ou com grande complexidade, como no caso do remake de “A fábrica de chocolate”. Apesar de não ter agradado tanto ao público, a interpretação de Depp como sempre foi exemplar. O último filme lançado foi “Alice no país das maravilhas”, outro que não teve grande êxito. Apesar de uma grande direção artística, com cores mais vivas, uma mistura excêntrica no cenário e nas roupas. O filme consegue ser obscuro e ao mesmo tempo colorido.

sleepy-hollow--large-msg-120664243909Entretanto, a parceria não é só marcada pelo fracasso, porque além de “Edward mãos de tesoura”, teve a “Lenda do cavalheiro sem cabeça” em que protagonizou junto com Cristina Ricci. Um filme cheio de suspense, marcando uma das maiores lendas e transformando-a em um filme, com uma visão própria de Tim Burton. O filme chegou a levar o premio como Melhor Diretor em Filme de Horror e Fantasia (The Saturn Awards), uma premiação anual dado pela Academy of Science Fiction, Fantasy & Horror Filmes.

Outra parceria de grande êxito foi “Sweeney Todd: O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet”, baseado no famoso musical da Broadway, Chegou a vencer um Globo de Ouro de Melhor Filme de Comédia/Musical e foi indicado como Melhor Diretor. Ele mescla comédia, suspense e musical, o roteiro é sombrio como só ele gosta de fazer e com um personagem central cheio de mágoas, estranho e complexo, como só o Johnny Deep sabe interpretar. A cada dia, ele parece buscar personagens diferentes e com caracterizações únicas.

sombras92O último filme que retrata esta parceria é de terror. Este diretor costuma produzir filmes excêntricos, porém que muitas vezes encantam os fãs, Burton é conhecido por retratar personagens, que muitos acreditam ser um pouco do próprio diretor.

A história deste filme acontece no ano de 1752 em que a família de Barnabas (Johnny Depp) tenta fugir de uma maldição, porém nem a mudança para a América será o suficiente. Barnabas, um playboy sempre acostumado a ter tudo, ele comete o erro de quebrar o coração de Angelique (Eva Green), uma bruxa muito poderosa. Como vingança o condena a ser um vampiro. Porém, 2 séculos se passam quando ele é despertado e surge nos dias modernos.

Apesar disso tudo, as críticas que veio do exterior não são das melhores. Afirmando que o roteiro é fraco, que parece depender tudo dos atores e atrizes do filme, apesar de uma grande produção, alguns afirmam que estavam em busca de alguma história. Esta parceria já deu bons frutos e parece que o próprio Johnny Depp gosta dos personagens que Burton cria, porém nem tudo pode ser perfeito. Grandes clássicos surgiram entre eles, entretanto, também têm fracassos. Realmente o filme é fraco em termos de roteiro, a atuação de Depp está boa como sempre e a produção nem se fala, mas num longa-metragem não pode depender só disso, certo? Falta muito no roteiro, como se não tivesse desenvolvido bem a ideia. Claro que estes tipos de filme costuma valer a pena pela produção feita, como no caso de “Alice no país das maravilhas” em que a produção e a atuação foram maravilhosas, mas para variar, falhou no roteiro. A adaptação deixa muito a desejar. Mas espero que esta parceria continue dando frutos, porque adoro as atuações de Depp, que por sinal estreará em “O cavaleiro solitário” no dia 12 de julho.

Johnny DeppFilmes que Johnny Depp trabalhou junto com Tim Burton:

  • Edward Mãos-de-tesoura (1990)
  • Ed Wood (1994)
  • A Lenda do Cavalheiro-sem-cabeça (1999)
  • A Fantástica fábrica de chocolate (2005)
  • A Noiva Cadáver (2005)
  • Sweeney Todd: O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet (2007)
  • Alice no país das maravilhas (2010)
  • Sombras da noite (2012)

2 Respostas

  1. Minha filha adora esse ator, Johnny Depp. Tirando Edward mãos de tesoura e alguns poucos filmes estrelados por ele que assiti, ele não me encanta, infelizmente. Mas vc de um toque especial ao novo filme. Bj

    1. Eu também adoro este ator, acho ele sensacional, sempre fazendo personagens excêntricos… Mas é questão de gosto mesmo. O novo filme apesar de ter um roteiro muito fraco, a atuação dele e a produção foram boas. Obrigada Zecleide por sempre acompanhar meu blog. Beijos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: