De volta ao jogo: Matar ou morrer!

Em chamas cartaz 3Uma vitória e a promessa de uma paz eterna? Sofrimento, dor, angústia, medo e proteção, alguns sentimentos que jovens tributos sentem na arena. Uma luta que tem há 74 anos e que são obrigados a participar. Você não conhece seus adversários, só sabe que precisa matá-los para sobreviver. Será que vale a pena uma vida de angústia e lembranças sobre o grande evento? Um novo jogo estava prestes a acontecer, mas desta vez seria diferente, porque os escolhidos para lutarem são vencedores de outras edições, assassinos profissionais ou quase. Eles precisam reviver este jogo e sobreviver mais uma vez ou como diria um tributo: me matar novamente. “Jogos Vorazes: Em Chamas” acaba de estrear nos cinemas brasileiros, sendo o primeiro país a ter este privilégio. O primeiro filme arrecadou mais de US$ 693 milhões e a probabilidade deste número é aumentar nesta continuação. Só com um fim de semana de estreia arrecadaram mais de US$ 5 milhões, sendo a terceira maior bilheteria deste ano por aqui, ficou atrás de O Homem de Ferro 3 e Thor: o mundo sombrio. A grande espera acabou e valeu a pena na opinião de muitos fãs.

Cena jogos vorazes 2Neste segundo volume, acompanhamos a viagem de Katniss (Jennifer Lawrence) e Peeta Mellark (Josh Hutcherson) pelos distritos. Os vencedores precisam passar de vila a vila como representantes da capital, para defender a importância dos jogos. Cada frase ou ação tomada por eles pode acabar com alguma morte, se não obedecerem ao presidente. Tudo começou no filme anterior, quando o casal de jogadores afronta a capital e os dois saem vencedores, este pequeno ato, que buscavam pela própria sobrevivência, deu início a uma possível revolução. E para conter isto, o presidente Snow (Donald Sutherland) resolve fazer um novo jogo, para que todos lembrem que ninguém é invencível. Por isto, os novos tributos serão escolhidos entre os vencedores. Aqueles que queriam a tão sonhada paz, poderão morrer, depois de suas vitórias.

Este filme promete muita tensão e aventura, além do famoso triângulo amoroso. A produção aumentou, chegando a quase dobrar os gastos. Comparando com o primeiro filme, notamos as diferenças de imagens, produções e efeitos visuais. Apesar de já ter sido bom, ele consegue ficar melhor. Baseado na Trilogia Jogos Vorazestrilogia de sucesso, a responsabilidade por parte da Lionsgate é enorme. Este estúdio parece especialista em adaptações de livros para cinema. Claro, que este é um dos poucos casos que parece funcionar. Com uma boa construção do roteiro, conseguiram se basear no livro e transmiti-lo nas telonas de maneira atrativa e o mais fiel possível. Mas também não é para menos, contrataram Simon Beaufoy, o mesmo que adaptou “Quem quer ser um milionário?”, sendo um dos melhores filmes que assisti nos últimos anos e que valeu a quantidade de Oscar que levou, além de Michael Arndt, com poucos filmes em sua carreira, possui o “Pequena Miss Sunshine” em sua biografia. O complemento para este roteiro ser bem desenvolvido foi a contribuição de Suzanne Collins, autora da trilogia. Ninguém conhece os personagens e a história como ela, nada melhor que assessorar na produção deste roteiro.

Claro que o sucesso deste tem outros fatores envolvidos, como o caso da ilustre atriz ganhadora do Oscar, Jennifer Lawrence. Para quem acompanhou a trilogia literária, percebe Cena jogos vorazesque a nova queridinha de Hollywood está fazendo um excelente trabalho como Katniss. Com suas expressões, dúvidas e medos em uma interpretação de tirar o chapéu, faz com que adentremos nesta história para viver ao lado da protagonista. A cada atuação, ela consegue se superar e percebemos a sua evolução. Depois de personagens como Mística, de X-men: Primeira Classe e Tiffany, em O lado bom da vida, ela volta para viver a marrenta Katniss Everdeen e notamos a diferença com o primeiro filme. É um atriz que consegue sair de um personagem para viver completamente o outro. Da química com Bradley Cooper, passou para Josh Hutcherson, o famoso Peeta Mellark, ou Liam Hemsworth, o melhor amigo Gale Hawthorne. Quem ficará com o coração da jovem? Mas antes de saberem disso, precisam enfrentar muita aventura e revolução para descobrir o caminho certo para a felicidade amorosa. Primeiro lugar vem a família e segundo, sua sobrevivência.

JohannaO que torna este jogo melhor que o anterior são os novos personagens que conquistam o público. Como o egocêntrico Finnick Odair (Sam Claflin), que apesar de tudo, ele demonstra um coração enorme com sua companheira Mags e tenta salvá-la a todo curso. E a sarcástica Johanna Mason (Jena Malone), suas aparições trouxeram algumas risadas para o público. Com certeza não imagino ninguém melhor que este ator e esta atriz para os personagens. Ela conquistou seu espaço no filme e já possui suas famosas frases sendo compartilhadas no facebook. O que uma rede social não é capaz de fazer. E tem a participaçãoo de Philip Seymour Hoffman como o responsável pelos novos Jogos vorazes. Um grande ator que complementou o elenco com sua experiência ao lado de Woody Harrelson e Donald Sutherland.

A mudança do diretor de Gary Ross para Francis Lawerence fez uma grande diferença na hora de produzi-lo. Ross se saiu bem com a responsabilidade  do primeiro filme, mas com Lawerence irá contribuir mais ainda para este sucesso. Ele também será o diretor do Cena em chamaspróximo longa.

Com os novos personagens e uma nova história, ao final desta sequência, o público fica curioso para saber o que vem a seguir. Qual será a próxima aventura de Katniss e o que aconteceu no período em que ela estava novamente nos jogos. Tem alguns que não leram os livros, mas que já foram buscar de alguma forma para saber o final da história. Imagine esperar mais um ano para saber o que acontecerá. O pior é que o último livro será dividido em dois filmes. Virou moda esta divisão, mas neste caso não acho necessário. O livro tem a mesma quantidade de páginas que os anteriores e não é uma leitura densa, com muita informação para que não se coloque em um só. Mas enfim, teremos que nos contentar com dois filmes e para os fãs o término estará um pouco mais longe. Para quem ainda não assistiu o trailer, deixo abaixo para ficarem com vontade de assisti-lo na primeira oportunidade. Eu recomendo para quem gosta deste estilo de filme ou até mesmo para quem não curte mesmo, porque minha prima que não faz este estilo adorou e está curiosa para o próximo filme. E você? O que achou? E quais são as expectativas?

Anaisa Lejambre

Jornalista – Reg. Profissional: 8112 / PR

2 Respostas

  1. Muito bom Ana…. Acho que conseguiu expressar o que os fãs sentiramvem turbilhoes de sentimos dentro da sala ddo cinema! E que venha A Esperança… O que me doi é saber sobre o fim de alguns personagens.

  2. Oi, Ana! Tudo bem?
    Gostei muito da sua matéria.
    Ainda não assisti o filme, pois comecei a ler o livro essa semana e queria terminá-lo antes de assistir, mas a sua notícia me deixou com MUITA vontade de ver o filme e acho que o livro terá que esperar um pouco, rs.
    Já ouvi várias críticas positivas de fãs, o que tem me deixado mais curiosa.
    Beijos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: