Uma última corrida?

Furious 7

“Nunca será uma despedida”.

Uma frase que resume os sentimentos de uma família que nos conquistou pela sua diversidade, pela lealdade de cada um, pela união dos melhores pilotos e mais loucos integrantes de um grupo que qualquer um deveria temer. Estas palavras representam também uma legião de fãs de várias culturas, idiomas diferentes, mas que foram unidos por esta excelente saga que a cada filme, traz carros mais potentes, corridas mais alucinantes, inimigos mais mortais e cidades mais extraordinárias.

Velozes-e-Furiosos-cVelozes e Furiosos realmente se supera a cada longa-metragem. Porém, desta vez, foi a última corrida para um integrante da equipe, um irmão de coração para o grupo formado por excelentes atores. Eles tiveram o privilégio de trabalhar ao lado de Paul Walker. A dificuldade em dizer adeus, foi tão grande, que esta frase que parece simples, traz muito mais significados.

Eu me lembro de assistir o primeiro filme com minha irmã, em que o jovem Brian (Paul Walker) precisou se infiltrar na família de Dom Toretto (Vin Diesel). Aquele foi o primeiro momento que tivemos contato com um filme que parecia só mais um de ação e aventura. Quem diria que ele se tornaria a saga de sucesso. Nos apaixonamos pela velocidade, pelas corridas e pelos personagens. Nada é o que parece e Às vezes os criminosos podem ser nossos melhores amigos e as pessoas que mais confiamos. Como o próprio Agente Hobbs (Dwayne Johnson) disse ao Toretto no sexto filme.

Familia Velozes e Furiosos

Em uma tentativa de uma sequência, fizeram o segundo filme com Paul Walker e Tyrese Gibson. E assim, começava a formar uma equipe que viraria uma grande família. O terceiro foi um fracasso, decepcionando a muitos fãs. Com um protagonista sem convencer, um roteiro muito fraco e corridas sem tirar o fôlego do público, podia ter sido um fim de Velozes e Furiosos. Mas não foi, os produtores conseguiram recuperar a saga lançando um quarto filme, trazendo os melhores atores das sequências anteriores e agregando mais personagens que conquistariam o público. Mas como ligar os próximos filmes ao fracasso anterior?

Paul Walker cenaParece uma tarefa complicada, entretanto, conseguiram terminar a missão com sucesso. O quarto, o quinto e o sexto, seriam antes do terceiro filme. Contando a história, as fugas extraordinárias, as corridas mais loucas e impossíveis já vistas no cinema. E assim, com o sétimo filme, seria a continuação do terceiro. É, para os fãs, foi uma maneira que encontraram de melhorar a história do terceiro e trazer uma trama muito mais emocionante para a aventura.

Uma última corrida? Mas de quem seria? O medo de muitos produtores é acontecer algo inesperado em suas filmagens ou fora delas. Durante uma crise como esta, precisa estar preparado para superá-la e ser a força de uma família que se formou na gravação dos filmes. Não apenas a família física, mas a legião de fãs por todo o mundo. Milhares de pessoas pararam no dia 30 de novembro de 2013, pelo acidente fatal do ator Paul Walker. Uma família perdia um membro, um amigo e um irmão de coração acima de tudo.

Como superar uma crise destas? Como dar força no momento em que você não se sente forte? Vin Diesel, Michelle Rodriguez (Letty), Jordana Brewster (Mita Toretto), Tyrese Gibson (Roman Pearce) e Ludacris (Tej Parker), teriam uma luta pela frente sem seu companheiro. Irmãos WalkerUma trajetória que eles nunca imaginaram seguir. A saudade que insistia em voltar. O momento de retornar uma gravação sem aquele membro de família. Para quem teve a infelicidade de perder alguém próximo, amigo ou familiar, pode imaginar uma sensação como esta. Apesar das dificuldades, do atraso da produção e modificações no roteiro, conseguiram terminar a sequência. Dublês contribuíram para finalizar as cenas de Brian e com a ajuda de seus irmãos, Caleb e Cody, terminaram esta última corrida e a maior homenagem ao falecido, mas eterno Brian O’Conner.

Gravação Furious 714 anos se passaram, desde aquela primeira corrida, o primeiro sorriso e um jovem rapaz com sonhos e aspirações. Um personagem que fazia parte constante em sua vida. Como fazer sua última corrida valer a pena? Os produtores, roteiristas, atores, editores e todos os envolvidos nesta última sequência conseguiram fazer o final que ele e os fãs mereciam. Nada de matá-lo, apenas uma aposentadoria e a felicidade de uma família que se formou desde o primeiro filme. Com certeza, a homenagem que eles fizeram no final, não era apenas para os fãs, mas principalmente aos atores que perderam alguém muito especial. Aos irmãos que participaram do filme para honrar a memória de Walker. A cada um que no decorrer dos anos se juntou a grande família de Velozes e Furiosos. Sentada no cinema ao lado de minha irmã, mais duas pessoas se juntavam nesta trajetória, nossa mãe e nosso padrasto. Depois de assistirem no dia anterior Velozes e Furiosos 6, eles resolveram nos acompanhar neste filme alucinante.

Fãs, amigos, companheiros, família, todos nós vivemos aventuras, muita adrenalina, ação e romance ao estilo de amantes da velocidade ao lado dele e que agora ficará na nossa memória, em nossa coleção de dvds em casa, em nossas cenas prediletas. Sentiremos a falta do mais veloz e furioso membro da equipe.Paul Walker corrida

“Não importa se você está a um quilômetro de distância ou do outro lado do mundo, nós sempre estaremos juntos”.

 

Anaisa Lejambre

Jornalista – Reg. Profissional: 8112/PR

Anúncios

2 Respostas

  1. Lindo texto Anaísaaaaaa!!! Assisti todos, mas não a esse último. Estou me preparando. Gostei demais da série com algumas excessões. É daqueles filmes que vc gosta ou não gosta. Gosta do mocinho, mas gosta do bandido também. O que aconteceu com Paul Walker não se tem o que falar. Faz parte da vida real. Mas deixou saudades. Parabéns por mais um belo texto. Beijinhos.

    1. Muito obrigada Zecleide. Concordo com você, é o tipo de filme que você torce para os bandidos e os mocinhos também. Adoro esta saga. E foi uma pena o que aconteceu com o Paul Walker, mas a homenagem que eles fizeram a ele foi perfeita.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: